Os jeitos mais estranhos de fechar um cigarro

Tempo de leitura: 4 minutos

Podemos bater, diariamente, na mesma tecla de que o cigarro artesanal está se transformando em algo muito maior do que uma tendência consumista e, sim, em um estilo de vida!

E, quem não nos deixa mentir nesta afirmação são as pessoas que fazem do simples ato de enrolar um cigarro, uma arte.

Entre elas, podemos citar o jovem Tony Greenhand, que, inclusive, recebe encomendas e cobra para enrolar cigarrinhos das maneiras mais criativas!

De inspiração no espírito empreendedor de Greenhand, pensamos em reunir, neste post, os 6 jeitos mais estranhos de fechar um cigarro. Confira e aprenda conosco!

O cigarro artesanal como uma obra de arte

Embora a ideia seja ventilar novas ideias para quem gosta de enrolar os próprios cigarros, algumas técnicas que veremos possuem um apelo além do estético, que é trazer um sabor mais prolongado — isso sem mencionar o talento artesanal de muitos por aí. Pode ser uma boa alternativa para quem já se cansou de praticar na sua máquina para enrolar cigarro.

Vamos, inclusive, ensinar a enrolar um cigarro no formato de cruz — um jeito de enrolar que está ganhando cada vez mais adeptos entre os “fumantes artesanais”.

Mas fica uma dica: caso você se interesse em fazer a sua própria obra de arte, recomendamos uma busca por vídeos tutoriais na internet, que estão em alta, aparentemente, e podem servir como um bom parâmetro visual para você seguir de modelo.

1. Cigarro em formato de tulipa

A técnica requer habilidade, mas, principalmente, uma seleção de papel para enrolar cigarro de qualidade. Afinal de contas, serão necessários 3 sedas, pelo menos.

O segredo está em enrolar o primeiro cigarro normalmente e fazer, com o outro papel para enrolar cigarro, um cone (colando a extremidade com cola no outro extremo da seda). Por fim, rechear com o tabaco de sua preferência o cone, finalizando com a ponta do cigarro já pronto dentro desse pequeno artesanato.

2. Cigarro trançado

A perícia parece ser grande, para enrolar um cigarro trançado e, igualmente à técnica da tulipa, mais de um papel para enrolar cigarro é necessário (a arte não poupa papel, pelo visto).

Para um cigarro trançado, vale o ponto em comum dos cigarros se encontrarem, que pode ser no filtro, onde ocorrerá a maior concentração de fumaça.

3. Cigarro no formato do símbolo da paz

O símbolo universal da paz também pode servir para unir amigos em uma roda para desfrutar do melhor tabaco que você tiver em casa.

Para isso, em primeiro lugar, alguns bons minutos serão dedicados à construção do símbolo, que exige boa dose de papel para enrolar cigarro e, claro, muita concentração para manter cada pontinha unida.

4. O cigarro no formato da Torre Eiffel

Mais que um ponto turístico da popular cidade-luz (um dos carinhosos apelidos da capital francesa), a Torre Eiffel ganha contornos em papel não branqueado para ser consumida entre amigos.

A facilidade no manuseio do cigarro artesanal, entretanto, pode espantar os mais interessados no apelo funcional do cigarro, e menos no estético.

Ainda assim, um impressionante trabalho artesanal!

5. Cigarro no formato de um coração

Para os apaixonados acostumados a dividir os seus cigarros artesanais, um cigarro fechado no formato de coração parece exigir menos talento manual dos seus praticantes, e é uma ótima maneira de presentear a pessoa querida.

Isso não significa, claro, que a prática não seja necessária — principalmente, porque o cigarro conta com áreas curvilíneas, o que pode demandar mais tempo para a boa execução.

6. O cigarro cruzado

Também conhecido como o cigarro em formato de cruz, esta é uma das maneiras mais diferentes (e populares) para enrolar um cigarro.

A técnica, inclusive, não exige muito mais do que dois cigarros enrolados da maneira que você já se habitou a fazer no dia a dia.

Vamos ao passo a passo para você aprender a fazer o cigarro cruzado?

  • Enrole um cigarro grosso;
  • Enrole um cigarro levemente menor, e mais fino que o anterior;
  • Faça um furo no meio de ambos (a ideia é que o cigarro mais fino passe dentro do cigarro mais grosso, cruzando-o);
  • Para que a fumaça não escape pelo buraco, recorte de um papel para enrolar cigarro a parte com goma e sele a junção do cigarro, ajeitando-a em formato de “x”;
  • Agora, você tem 3 pontas para acender. Chame os amigos e divirtam-se.

Agora que você já conhece algumas formas inusitadas de enrolar cigarro, pratique a sua — e não deixe de nos mostrar o resultado depois!

Facebook Comments

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *